Eu, como blogger

setembro 14, 2017

Tive a ideia desta publicação, enquanto estava a retocar outra. Literalmente acabei de escrever uma, deixei tudo pronto para a sua publicação e pus-me nesta. Isto quando tenho um pouco mais de uma centena e meia de comentários para retribuir, há tempo para tudo certo? Esta é uma publicação pessoal que quis trazer para o blog para partilhar com vocês o que eu faço desde que tenho uma ideia, para uma publicação, até à publicação que vocês efectivamente vêm e lêem. A par disso vou adicionar algumas das minhas manias (ou hábitos) de blogger tanto na preparação da publicação como na gestão deste blog. 

woman drinking tea and writing ina mac laptop blog da mó

A ideia

Eu falo muito comigo mesma e é assim que surgem 95% das minhas ideias para novas publicações. 3% é a ver vídeos, filmes e até imagens e os restantes 2% é a ler os vossos blogues ou revistas. Em relação aos primeiros 95% e ao facto de eu falar (muito) comigo mesma é mesmo verdade. É mesmo falar. A verdade é que sinto a necessidade de, e principalmente, lembrar-me de coisas que tenho para fazer, de me avisar sobre qualquer coisa, de ler tudo em voz alta... Juro que não sou louca, mas se houver por ai algum estudante de psicologia e achar que isto seja o inicio de algum distúrbio mental, por favor avise.


O editor do blog

É aqui que a coisa complica mas também é aqui que toda a magia acontece.
E comigo há três situações, possíveis.


Primeira

Eu tenho uma ideia mas não faço a mínima ideia de como começar a trabalha-la. Então o que eu faço é abrir a minha lista de mensagens, procurar pela mensagem - rascunho com o título «próximas publicações», abro, escrevo lá o pré-titulo da minha ideia e está feito. O mais normal é nunca mais voltar a pegar nessa publicação (nem em qualquer uma das outras que lá estão), mas fica lá registada a ideia.


Segunda 

É raro mas às vezes acontece, eu ter a ideia, saber como trabalha-la e em menos de meia hora tenho a publicação escrita - é o caso desta. Nestas situações eu abro o editor, vomito as palavras todas e depois trato de toda a estética da publicação, assim como do título. Normalmente depois da publicação escrita, procuro uma imagem, ajusto as quebras de linha e está feito - é sem dúvida nenhuma o tipo de publicação mais fácil de fazer e as que mais gosto também.


Terceira

Por fim há aquelas ideias que precisam de informação, ou seja, pesquisa. Ou é porque é para uma marca, ou é uma review ou por exemplo esta de Lisboa Antiga. Essas são sem duvida as que consomem mais tempo e a meu ver, têm de ser escritas com o cuidado de não passar nenhuma informação errada ou menos certa. Nestas publicações, escrevo o primeiro paragrafo e sinto-me na "obrigação" de começar a pôr uma ou todas as imagens da publicação - e quem é blogger já sabe que isto vai dar porcaria, certo? Certo. Os espaços vão ficar loucos, vamos tentar remediar no HTLM, vamos fazer pior, o editor ganha vida própria e nós somos obrigados a copiar todo o texto e começar de novo! Digam-me que não sou a única a quem isto acontece.

A verdade é que não há grande ciência no nascimento de uma nova publicação. Mas as pessoas com quem vivo (mais a minha mãe) gostam de me ver a escrever uma nova publicação e não não me faz confusão nenhuma, mas faz-me pensar que para quem não está familiarizado com backstage de um blog pode ser muito estranho.

«Como é que consegues? Eu vejo-te (e ouço-te) literalmente a falar com o teu computador!»

E é agora que digo algumas curiosidades sobre mim:

  • Digo, literalmente, em voz alta, o que estou a escrever quando estou a preparar uma publicação nova. Acho que é por isso que já não consigo escrever publicações pequenas.

  • Inicio quase todas as frases com «Eu» e quando estou a reler apago-os a todos. (Só nesta publicação apaguei nove eu's).

  • Sempre que estou a escrever uma nova publicação tenho de ter um caderno e uma caneta ao lado para organizar a publicação ou anotar novas ideias.

  • Hoje em dia é muito raro publicar no mesmo dia em que escrevo a publicação. Tenho andado a preferir assim, é uma questão de organização.

  • Demoro muito tempo a escrever publicações. Dias. Normalmente escrevo tudo ou deixo a meio e no dia a seguir mudo a publicação toda, rescrevo alguns parágrafos, troco outros de lugar e é por isso que demoro tanto tempo a trazer novas publicações aqui no blog. 

  • Depois da publicação estar 100% concluída, eu ainda leio umas cinco vezes, troco muitas palavras, às vezes, rescrevo parágrafos inteiros e ainda assim, a publicação sai sempre com alguns erros.
Agora digam-me, qual é a vossa mania mais estranha, mas que fazem sempre que estão a escrever uma nova publicação?

Com amor, Mó 

You Might Also Like

17 comentários

  1. Entendo-te na parte dos 'eu', também estou sempre a escrever e a apagar. Eu leio mil vezes e pré-visualizo mais umas quantas.
    O meu maior problema é que tenho boas ideias, mas quase nunca as aponto então perco boas publicações, para além de que quando quero fazer um post nunca sei o que dizer.

    ResponderEliminar
  2. Ahahahha identifico-me muito com o que aqui escreveste. Principalmente o ter de falar alto e falar muito comigo mesma!
    Eu primeiro publico, depois vou corrigindo os erros (que vir)! Caso contrário estou sempre a editar, a adicionar a apagar e nunca publico nada do que realmente queria publicar.

    ResponderEliminar
  3. Quando iniciei a minha aventura n' As gavetas da minha casa encantada escrevia as publicações de raiz no dia em que as publicava ou, quanto muito, no dia anterior. Como este blogue surgiu como completo do meu antigo, não tinha propriamente uma calendarização regular, porque dependia muito de notícias/conceitos/novidades que me despertassem interesse para falar sobre eles. No entanto, acho que tudo isto é um processo de aprendizagem e com o tempo alargamos horizontes e vamos descobrindo formas que se adequam mais a nós e ao nosso espaço.
    De forma gradual, e depois de me mudar definitivamente para As gavetas, alterei os meus hábitos enquanto blogger. Comecei a escrever publicações em avanço e a aproveitar a opção de agendar. E foram estes reajustes que não só me permitiram organizar melhor as minhas ideias, como também me fizeram evoluir a nível de escrita. No início deste ano, senti necessidade de comprar um caderno onde pudesse estruturar as publicações e onde definisse o que queria publicar e em que dia. Uma vez que publico diariamente (salvo algumas exceções) foi a melhor forma que arranjei para escrever os meus textos sem aquela sensação de que lhes estou a dar corpo em cima do joelho, correndo o risco de me esquecer de algum pormenor importante. Assim, sempre que tenho um tempinho livre - e inspiração - escrevo as publicações e depois é só passar para o computador.
    Ao lado do computador tenho sempre um bloco, onde anoto ideias, músicas, tag's, rubricas, receitas. O passo seguinte é dividir essas ideias pelos dias da semana e depois construo o texto. Claro que ao passar para o computador acabo por sempre por reformular alguma coisa, mas é mais fácil já ter algo de base, até porque assim ganho tempo para outras coisas.

    ResponderEliminar
  4. Eu também vou falando comigo própria e demoro séculos a escrever o post, principalmente visto que escrevo em duas línguas. Dá trabalhinho, mas fica à minha maneira e fico mais satisfeita!

    ResponderEliminar
  5. Como é interessante a maneira a qual cada blogger organiza, planeja e faz as postagens. Eu mesma penso sempre em um tema, coloco no rascunho, em seguida, procuro imagens no pinterest ou tumblr. Ou, às vezes, acontece de que estar navegando nesses sites, ver uma imagem e gostar e imediatamente ir atrás de outras parecidas com ela, pesquisar e analisar o tema nela abordado e transformá-la em postagem.

    ResponderEliminar
  6. Quando escrevo no blog, escrevo o que me vem à cabeça na altura, não falo sozinha para o pc, já no trabalho, muito eu falo para este monitor...
    Pinta

    ResponderEliminar
  7. A minha maior mania é mesmo a revisão do texto. Agora ainda estou a começar, mas mesmo noutros blogues que tive, passava à vontade uma horita à volta do texto a melhorar a escrita, etc. Mas também sou assim com relatórios ou artigos: revejo tudo até ao detalhe mais ínfimo.

    ResponderEliminar
  8. Todo mundo tem alguma "característica" diferente, né? Eu também falo bastante comigo mesma kkkkkkkkkkk.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderEliminar
  9. Por acaso o que faço não fica muito longe do que descreveste! Tenho algumas particularidades como por exemplo escrever sempre primeiro o desenvolvimento e conclusão, deixando para o fim a introdução (tudo num caderno e depois a passar para o computador estruturo e reformulo algumas coisas); costumo escrever cada publicação na mesma altura até achar que está worthy de ser publicada e só aí é que faço uma pausa; deixo também sempre as imagens para fim exatamente para não me darem problemas xD

    ResponderEliminar
  10. Identifico-me tanto contigo na parte dos "eu's", também me farto dos apagar quando releio o texto todo que vou publicar no blogue! :D

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Também ando sempre com um caderninho atrás para apontar ideias e agendar coisas.:p

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Obrigada!
    É um post diferente, mas é sempre bom perceber a perspectiva das outras pessoas, no que toca a blogosfera!

    Com amor,
    sara

    priceless-ambition.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  13. Nunca me sinto 100% satisfeita com a formatação do texto, sinto sempre que está algo errado, então, faço pré-visualizar ene vezes só para ter a certeza que fica tudo no lugar e que aparece tudo como escolhi aparecer. Essa deve ser a minha mania.
    Achei mesmo piada a que dissesses em voz alta o que escreves. Isso é mesmo singular e distingue-te! 💛

    ResponderEliminar
  14. adorei o teu blog linda, já estou a seguir <3
    e concordo completamente, omd
    eu também sou muito assim, adoro todo o processo desde pensar na ideia até escreve-la e deixar o post todo bonitinho mas dá imensoooo trabalho
    também gosto quando consigo escrever uma publicação super rápido e somehow, sai super bem
    beijinhos

    http://umacolherdearroz.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Foi uma ideia original escreveres sobre o que acontece até publicares um post. Há aí alguns pontos que me identifiquem, mas outros não, como falar muitas vezes comigo mesma.

    https://norwegian-heart-portuguese-blood.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Identifiquei-me com uma grande parte deste teu post sobre ideias!

    ResponderEliminar
  17. Não sou nada assim, exceto que escrevo e deixo nos rascunhos muitas das vezes :p
    Mas adorei a publicação, que ideia gira para uma publicação :D

    ResponderEliminar